quinta-feira, Abril 05, 2012

“Os principais responsáveis da crise da educação são os fazedores das políticas

Neste pilar, o estudo refere que as escolas técnicas e profissionais constituem “o déficit” maior do sistema nacional de educação. “Paradoxalmente, o pouco de educação técnico-profissional que temos também parece não dar os meios necessários para uma integração societal mais activa. Isso é devido, entre outros, ao facto que ele funcionar como o ensino geral: transmite noções, mas faltam equipamentos técnicos, de laboratórios, de experimentação, limitando-se a ser uma aprendizagem de fórmulas com pouca ligação ou recaída nas dinâmicas socioeconómicas” Ler mais. 

Sem comentários: